segunda-feira, Novembro 03, 2008

Doces e Salgados

Donetes
(Donut's)
100 g de manteiga
4 ovos
1/4 de açúcar
1/2 copo de leite
1/2 kg de farinha de trigo
2 c. (sopa) de fermento em pó
Oléo para fritar
Açúcar e canela q.b.



Modo de Preparo:

Bate-se a manteiga com o açucar, juntam-se os ovos um a um, o leite, e no fim a farinha de trigo peneirada com o fermento. Deve formar uma bola que se despega das mãos.
Estende-se em cima de um mesa enfarinhada na espessura de mais ou menos 0,5cm, corta-se e retira-se o centro com um dedal, de modo a ficar com o formato de uma rodela.
Fritam-se em oléo bem quente. Escorrem-se em papel vegetal/ pardo e passam-se por uma mistuta de açúcar e canela ou coco ou calda de cacau.

Calda de cacau
1/2 kg de açúcar
1/2 litro de leite
1 c. (sopa) de manteiga
1 c. de sopa de chocolate

Desfaz-se o chocolate num pouco de leite e juntam-se os restantes ingredientes. Leva-se ao lume até atingir o ponto de espadana. Bate-se para arrefecer e vão-se passando os donetes um a um para ficarem todas cobertas.



Pastel com Diabo Dentro
(Santiago)

Ingredientes:
Para a massa:
½ kg de batata doce; farinha de milho q.b.





Para o recheio:

250g de atum fresco ou de conserva;
1 cebola; 1 c. (sopa)
de azeite;
1 dente de alho; 6 vagens de malagueta;
1 golpe de vinagre ou limão;
óleo para fritar

Modo de Preparo:
Coze-se a batata doce previamente descascada. Esmaga-se muito bem juntando-se pingos da água da cozedura. De seguida, vai-se adicionando farinha de milho até se conseguir a consistência semelhante à massa de rissóis. Retiram-se bocadinhos desta massa que se estendem em cima dum pano molhado e espremido. Cortam-se rodelas que se recheiam com o atum refogado. Fritam-se em óleo bem quente.

Recheio:
Corta-se o atum fresco em pedacinhos e tempera-se com sal, piripiri, dente de alho laminado e sumo de limão. Reserva-se.Deita-se cebola às rodelas num tacho com azeite. Junta-se tomate (pelado e cortado aos cubinhos) e deixa-se apurar.
À parte, fritam-se rapidamente os pedaços de atum. Retiram-se, salpicam-se com limão e adicionam-se ao refogado. Deixa-se apurar.

Fonte: Cozinha de Cabo Verde - Maria de Lourdes Chantre


Pudim de Queijo

500 gr de açúcar
2 dl de água
30 gr de margarina
80 gr de queijo tipo Serra
15 gr de farinha sem fermento
15 gr de maisena
6 ovos
caramelo líquido



Modo de Preparo:

Leve o açúcar e a água ao lume até obter ponto de pérola (para confirmar se está em ponto de pérola, encha uma colher de calda e despeje-a lentamente. Está em ponto de pérola se, ao cair, formar um fio ligeiramente preso, cuja extremidade parece uma bolinha). Retire do lume, junte a margarina e mexa até a derreter. Junte o queijo ralado, a farinha, a maisena e os ovos.

Misture bem e deite numa forma de pudim barrada com caramelo líquido, que deverá levar a cozer em banho-maria (no forno) durante cerca de 45 minutos.


Hum, hum........ Sabim, sabim moda nos terra .

Poches e outras maravilhas líquidas de Cabo Verde

Durante muito tempo tentei arranjar receitas dessas delícias líquidas da terra e nada ....
Bem, agora que encontrei .... partilho!

É bom, é bom, mas não convém abusarmos .......


Ponche de Mel


1l de grogue (aguardente de Cabo Verde)
1/2 l de mel de Cana de açúcar
1/2 kg de açúcar muscave
1 pau de canela
casca de limão



Mistura-se o mel com o açúcar muscave, a canela e a casca de limão e leva-se ao lume a ferver até atingir ponto de xarope (viscoso).

Deixa-se arrefecer e junta-se o grogue.





Ponche de Coco



1/2 litro de Grogue
1 lata de leite de coco
1 lata de leite condensado

Numa garrafa , junta-se o grogue, o leite de coco e o leite condensado. Mistura-se tudo muito bem e conserva-se no frigorífico.




Ponche de Tamarindo

1/4 de tamarindos descascados
1/4 de mel de cana de açúcar
1/4 de Grogue
casca de limão

Em água fria, põem-se de molho os tamarindos. Depois, levam-se ao lume e deixam-se cozinhar até quase desfeitos. Retiram-se do lume e passam-se pela peneira. A seguir, adiciona-se o mel e o grogue. Por fim, mistura-se tudo muito bem e serve-se bem gelado.


Carolans de Mindelo

1/2 litro de grogue
1 lata de leite condensado
1 malte ( Classic)


Numa garrafa de plástico junta-se tudo e mistura-se muito bem. Conserva-se em garrafa de vidro, no frigorífico. Serve-se bem gelado.



Sugestão de amiga:

Consumir com moderação e já agora, se beber, não conduza!
É que beber não rima com Conduzir!